24 de agosto de 2016

O Grafite e a Arquitetura

Já faz algum tempo que o grafite vem superando preconceitos e ganhando espaço na arquitetura das cidades e lares do Brasil e do mundo.

Recentemente algumas intervensões feitas no "Minhocão", em São Paulo, deram graça a empenas cegas de edifícios que compõe a paisagem da via. Em Miami, o bairro de Wynwood é muito conhecido e visitado pela enorme quatidade de gafites pelos muros de todo o bairro, uma verdadeira galeria de arte a céu aberto, conhecida como Wynwood Walls.

E agora, quem acompanhou as Olimpiadas do Rio, deve ter visto que um enorme e super colorido mural ganhou muita visibilidade e inumeros posts nas redes sociais.

O mural Etnias do brasileiro Eduardo Kobra, feito na região central do Rio, muito próximo ao Museu do Amanhã de Santiago Calatrava, retrata o rosto de 5 indigenas, cada um de um continente. Medindo 15m de altura e 170m de comprimento, foi reconhecido nesta semana pelo livro dos records "Guiness World Records", o maior grafite do mundo.

Vamos reconhecer e valorizar o grafite e a arte brasileira que vem ganhando cada vez mais destaque e encantando gente de todo o mundo!

 

Imagem via Época


compartilhar